Aspirantado 2021 — Milícia de Santa Maria — Cavaleiros de N. Senhora

Aspirantado 2021

Inscrições para o Aspirantado 2021

É com muita alegria que a Militia Sanctae Mariae - Cavaleiros de Nossa Senhora, preceptorados brasileiros, abre o período de inscrição para o novo aspirantado.

Fundada por Dom Gerard Lafond, OSB, quando ainda era um jovem leigo, almejava ele uma cavalaria para o terceiro milênio, e isso implica uma cavalaria que enfrentasse os problemas que viriam com essa época com todos os recursos possíveis disponíveis nela. Uma cavalaria sem status, sem dinastia, sem submissão política, sem aquela arrogância e vaidade que, vez ou outra, aparece invocando o nome de Nosso Senhor como um enfeite, por pura estética.

Remontada aos escritos de São Bernardo de Claraval, com uma Regra de Vida baseada na tradição beneditina e a espiritualidade mariana de São Luís Maria G. de Montfort, eis a Militia Sanctae Mariae! Sem reivindicar fazer parte da tradição histórica das Ordens Católicas de Cavalaria reconhecidas pela Igreja, somos uma associação de fiéis católica, em alguns lugares de direito diocesano e em outros de direito privado, fundada em 1945, tendo sua erecção canônica ocorrida em 1964, na Catedral de Chartres na França, de onde se espalhou pela Europa até chegar ao Brasil em 2012, se estabelecendo fisicamente em São Paulo e, recentemente, em Minas Gerais e que vive a espiritualidade da cavalaria católica medieval.

Homens sem apego estético por vestes, sem obsessões por capas, sem algemas ideológicas, sem romantismos históricos, que se empenhem ao santo rosário, a leitura do Evangelho, a Santa Missa além da dominical, a oração meditada, ao silêncio, aos estudos da fé, doutrina e moral, a defesa do papa e obediência a Igreja – e aqui deixemos claro, a Igreja Católica Apostólica Romana, Una, sem divisão de épocas, de Pedro a Francisco e aos que há de vir – e a todo seu Magistério e Tradição. Homens dispostos a servir a fé, defender a Igreja, promover o cristianismo e a Paz.

Homens católicos, casados ou solteiros, que queiram ingressar em nossas fileiras com o intuito de “alargar cá embaixo as fronteiras do Reino de Deus”, sintam-se mais que acolhidos!